segunda-feira, 21 de Janeiro de 2013

Tarte de maçã reineta


Como já referi, em matéria de doçaria, gosto muito de um livro da Io Apolloni - "Os doces da Io". É sempre uma boa fonte de inspiração. Foi nesse livro que encontrei esta tarte, feita para oferecer a uns amigos com quem me deveria ter encontrado no sábado à tarde. O temporal alterou os planos e acabou por ser comida em casa.

Os ingredientes da receita são os seguintes:

Massa
200 g de farinha
150 g de açúcar
2 ovos
1 dl de leite
1 colher de chá de fermento
casca ralada de 1 limão

Recheio
5 maçãs reinetas
caramelo
canela
2 colheres de sopa de açúcar
sumo de 1/2 limão

Começa-se por bater bem o açúcar com os ovos inteiros até obter um creme. Junta-se depois a farinha com o fermento, alternando com o leite morno. Por fim, adiciona a casca ralada de 1 limão. Coloca-se a massa numa tarteira com cerca de 26 cm de diâmetro que deve ser muito bem untada de manteiga e polvilhada de pão ralado. No meu caso, como estava com pressa resolvi colocar papel vegetal o que obrigou a servi-la dentro da tarteira.

Por cima desta massa colocam-se as maçãs reinetas que antes foram descascadas, retirada a parte central e cortadas transversalmente em fatias com 0,5 cm de espessura. As fatias são distribuídas em leque, sobrepondo-as em parte. No centro coloquei outra rodela de maçã. Por último, rega-se com o sumo de limão, polvilha-se com o açúcar e a canela, e, rega-se ainda com mais 3 colheres de caramelo (comprei pronto).

Foi ao forno (175ºC) durante cerca de 40 minutos. Fica deliciosa quando ainda está morna.

8 comentários:

  1. Esta tarte têm um aspeto maravilhoso!
    Deve ficar um doce muito saboroso!*

    ResponderEliminar
  2. soberba. e mais não digo ... apetecia "roubá-la"

    ResponderEliminar
  3. Maça e canela combinam na perfeição,com caramelo nunca fiz e fiquei curiosa.
    Ficou bem linda.
    Boa semana
    bjs

    ResponderEliminar
  4. O temporal também alterou planos por aqui. A parte boa é que pôde haver um sábado inteiro dentro de casa, a ouvir vento e chuva. Com coisas assim. Assim como esta tarte. Reparei na introdução de caramelo...Nunca fiz assim. Mas dá vontade de experimentar:)

    Um beijo para si. Que tudo esteja bem, não obstante as tempestades.

    Mar

    ResponderEliminar
  5. Olá Marlene
    Ficou muito tentadora. Demasiado ...
    bjs
    Fa

    ResponderEliminar
  6. Obrigada à leitora que queria "roubar" a minha tarde.
    bjs
    Fa

    ResponderEliminar
  7. Olá São
    O caramelo acaba por ficar incorporado e dar-lhe uns tons mais escuros, que não são queimado.
    bjs
    Fa

    ResponderEliminar
  8. Olá Mar

    Na receita original ainda referia a adição de mais caramelo à saída do forno. Retirei essa parte por achar excessiva. O sumo do 1/2 limão "corta" muito o doce e gera um contraste agradável.

    Em Lisboa o céu continua cinzento, mas há vislumbres de sol.

    beijos

    Fa

    ResponderEliminar